ECONÔMETRO

Economizados com os projetos da Comfort Lux
Comfort Lux é destaque em matéria da Super Varejo 01/02/2016 | em : Comfort Lux na mídia

Comfort Lux é destaque em matéria da Super Varejo

O sistema Comfort Lux é destaque na matéria sobre iluminação em supermercados da revista Super Varejo edição de outubro/2015, que tem como título: No controle da luz, supermercadista encontra no LED e na luz natural alternativas para aperfeiçoar iluminação e encurtar a conta de energia.

A SOLUÇÃO NA LUZ NATURAL

Trecho sobre o sistema Comfort Lux - Por Nathalie Gutierres

Segundo a visão do arquiteto Douglas Piccolo, a iluminação deve, entretanto, considerar o contexto da sustentabilidade e, antes de tudo, a interligação da luz natural e artificial para ser compatível com a eficiência energética.

“Este planejamento integrado deve fundamentalmente avaliar o balanço da carga térmica nos espaços criados conforme as necessidades das atividades e o posicionamento das fontes luminosas e sua eficiência sujeitas às variações da sua disponibilidade nos diversos horários do dia e das épocas do ano”, conta Piccolo.

A empresa Comfort Lux atua nesse segmento com um sistema de iluminação que permite que, durante a média de 9 horas por dia, as lâmpadas artificiais de um estabelecimento permaneçam desligas, aproveitando, assim, a luz do sol incidente no local.

“A economia com o nosso sistema, em termos financeiros, é variável, pelo fato de haver clientes que pagam mais ou menos pela energia consumida. O que é possível afirmar é que um supermercado consome por volta de 25% a 30% do total da sua conta de energia elétrica para iluminar a área de vendas. Desse período, é possível apagar as luzes por até 9 horas ao dia, reduzindo à metade o custo de iluminação”, explica o diretor comercial da Comfort Lux, Luciano Langaro.

De acordo com a empresa, o cálculo utilizado na fase do projeto luminotécnico permite que a luz solar seja direcionada aos equipamentos da Comfort Lux, que são compostos por duas lentes especiais que captam a luz do sol e, através de prismas óticos, fazem a filtragem dos raios ultravioletas e distribuem a luz ao ambiente de maneira uniforme.

“O recurso da luz natural é livre e gratuito. Trata-se de um bem que não sofre escassez de chuvas, não está à mercê das crises política e econômica do pais, e que hoje ainda é desperdiçado. Propomos utilizar a luz natural de forma séria e adequada, com garantia de iluminação, conforto térmico e proteção contra a radiação solar”, diz Langaro.

O porta-voz da empresa diz que o sistema da Comfort Lux pode ser trabalhado tanto em um projeto novo como em uma loja em operação, e a instalação dos equipamentos dispensa interdição do supermercado e não afeta no atendimento aos clientes. Em 80% dos casos, o retorno do investimento acontece em até dois anos.

Segundo Langaro, em praticamente 100% dos casos, a iluminação natural supera o desempenho da artificial. “Além do nosso rigor em atender às normativas da ABNT, que pede média de 700 lux para áreas de vendas, é fundamental atender a qualidade particular da luz natural”, resume.

Ele finaliza dizendo que o espectro e a temperatura de cor da iluminação natural são únicos e, mais do que qualquer lâmpada elétrica, a iluminação natural prismática possui 100% de IRC (Índice de Reprodução de Cor), o que destaca o produto e confere maior nitidez aos contornos.

Matéria completa:http://www.supervarejo.com.br/no-controle-da-luz-2/



+55 51 3362-1680